Incorporado: em corpo forjado

Acabo de chegar do concerto do violoncelista Kayami Satomi. Há concertos que são bastante bons e que me deixam a pensar. Esses concertos, além do prazer que proporcionam com a música, libertam os pensamentos para que eu possa ver, ouvir e observar o que há de único naquele músico que toca, o que há de particular nele que não acontece em mais ninguém e em nenhum outro músico. Conheci o Kayami numa edição do Festival…

Continue Reading Incorporado: em corpo forjado

Ir Além do Espelho

«L’amour, c’est donner ce qu’on n’a pas à quelqu’un qui n’en veut pas.» Jacques Lacan[ref]Jacques Lacan. Seminário XII. Tradução livre: «O amor é dar o que não se tem a alguém que não o quer.»[/ref] Ter um filho é uma oportunidade de olhar para si mesmo, um impulso e uma força para fazer as mudanças que sempre desejamos mas que sempre deixamos para trás. Não é incomum encontrar pessoas que, quando descobrem a gravidez, resolvem…

Continue Reading Ir Além do Espelho

O Relógio de Peixinho e o Motor que Estraga

Entro na sala e me deparo com duas pessoas engalfinhadas e uma grande barulheira. De um lado, um menininho de 4 anos puxando aflito o seu braço e falando desesperado: «Vai entrar na água, Mamãe!» Do outro lado, a mãe agarrando o braço do menininho dizendo: «Não vai entrar na água. Solta isso! Solta isso!». Submersos no puxa-puxa, os dois falam sem parar. E o volume começa a aumentar. Só se puxam e se agarram…

Continue Reading O Relógio de Peixinho e o Motor que Estraga

Tem que Ser

Mandando uma mensagem à mãe do meu filho, para pensamos sobre as supostas «teimosias» do nosso pequeno, me deparo comigo tentando me livrar da expressão «tem que»: tem que vestir a roupa, tem que comer, tem que sair agora… No livro «Comunicação Não-Violenta», Marshall Rosenberg pensa a expressão «tem que» ou «ter de» como parte do que ele chama de comunicação alienante da vida. «Outro tipo de comunicação alienante da vida é a negação de…

Continue Reading Tem que Ser

Clube da Música Clássica #01 – Pós-evento

O Tempo. A passagem do tempo. Uma observação sobre a passagem do tempo. O fluxo contínuo que leva a uma observação sobre a passagem do tempo: um recorte… Tal como quem medita: sem julgar, sem barrar, sem punir, sem se exaltar… Apenas observar e deixar que, naturalmente, os acontecimentos e pensamentos passem em fluxo contínuo pela nossa percepção. A observação começa e os sons aparecem, cada um a seu tempo, sem hierarquia, apenas no acaso…

Continue Reading Clube da Música Clássica #01 – Pós-evento

Chorar para aprender a dormir?

A hora de dormir sempre é um pesadelo acordado. Como lidar com o choro dos bebês na hora de dormir? O tema é amplo mas é preciso partir de algum lugar.   Introdução Eis um começo: qual é a forma de comunicação que um bebê tem com o seu cuidador? Como ele manifesta que algo não vai bem? Qual é a ferramenta do bebê para pedir comida, pedir carinho, avisar que está com dor, avisar…

Continue Reading Chorar para aprender a dormir?

Pai: criar suas crias com criatividade

De que maneira um pai se relaciona com o seu bebê? Seria possível uma relação de intimidade e afeto que forme uma entidade chamada pai-bebê? Tudo se passa fora do corpo do pai. Ou melhor, tudo se passa fora e, ainda por cima, escondido dentro do corpo da mãe. «No princípio era o verbo»: nas 38 até 42 semanas de gestação, toda notícia que um pai pode ter do seu filho vem pela narrativa e…

Continue Reading Pai: criar suas crias com criatividade

Papel do Pai

Papel do Pai - Parto Alegre «O Pai deve dar suporte à Mãe durante a gestação e parto»: isso é o que ouvimos toda vez que se fala sobre o papel do Pai na gestação. Mas, quem dá suporte ao Pai em seus medos, angústias e inseguranças? Esta pergunta eu escuto há mais de três anos, desde o grupo de gestantes que frequentei durante a gravidez do meu filho. Os pais também têm suas transformações…

Continue Reading Papel do Pai

No Trem d’Écrire

Eu jogo: alguma verdade a poucas mentiras…   Há 10 dias conversei, via Messenger, com alguém que nem conheço. Tudo começou com esta imagem. E nossa conversa seguiu pelos trilhos de sair dos trilhos e empatias com descobertas do lado de lá e, indo adiante em associação com a análise, com descobertas do lado de cá.   Esta noite tive um sonho: ela me escrevia. «Ana Carolina est en train d’écrire», aparecia. Realização de desejo?…

Continue Reading No Trem d’Écrire

A agressividade e a nobreza da causa

  • Reading time:1 mins read
  • Post category:Outros assuntos

A agressividade se esconde e se mostra. Por vezes, fazer parte de uma tribo que prega o bem, a bondade e os sentimentos elevados é uma forma de poder exercer a agressividade sem constrangimentos. Afinal, agredir por uma boa causa, por uma causa nobre, por uma causa “para o bem de todos”, é nobre e elevado, o que legitima a agressão. Vale notar que o suposto “bem de todos” que aparece nesses discursos e nessas…

Continue Reading A agressividade e a nobreza da causa

Fim dos textos

No more pages to load